Calendário

« Dezembro 2021
SegTerQuaQuiSexSábDom
  
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
  
       
Hoje

Pesquisar




14 Quinta-feira · Dez, 2017

Treinamento em Eletrocirurgia capacita 82 colaboradores do HMU

 

A Unimed Vale do Aço está sempre empenhada em investir e desenvolver práticas avançadas de qualidade e gerenciamento de riscos assistenciais. E para reforçar esse compromisso da Cooperativa, mais de 80 colaboradores da enfermagem que atuam no centro cirúrgico, da internação e do Pronto Atendimento do Hospital Metropolitano Unimed Vale do Aço participaram de um treinamento em Eletrocirurgia. A empresa escolhida para ministrar a aula foi a Santalmas, parceira da Unimed e especializada em oferecer soluções em saúde.

 

O objetivo do treinamento foi aperfeiçoar a utilização do equipamento Bisturi Force FX, abordando os temas essenciais como as funcionalidades do equipamento, os erros mais recorrentes com o uso, interação e interferência entre outros equipamentos e os riscos de utilização incorreta do eletrodo de retorno. Além de desenvolver estratégias de controle, manutenção e educação continuada, com aspectos relacionados ao conhecimento dos profissionais que atuam no centro cirúrgico e que utilizam o equipamento.

 

Para Denilson Santos Pereira, coordenador da Engenharia Clínica do HMU, treinamentos como esse são essenciais na prevenção de riscos. "Foi feita uma demonstração de como utilizar o equipamento e os colaboradores foram capacitados para que operem de forma eficaz e segura. E foi demonstrado também os principais erros cometidos e as forma de evitá-los. Assim conseguimos prevenir possíveis problemas como erros operacionais e riscos causados pela utilização incorreta do bisturi", resumiu Denilson.


Tags:

Publicado as 18:29 por Jéssica Nogueira Calixto  |  Comentários [1] .
08 Sexta-feira · Dez, 2017

Pesquisa no HMU aponta altíssimo índice de satisfação dos pacientes

Entre os meses de julho a outubro deste ano foram realizadas iniciativas pioneiras no Hospital Metropolitano Unimed Vale do Aço (HMU). Foram feitas as primeiras pesquisas de satisfação dos clientes, com o objetivo de identificar o grau de contentamento dos pacientes e de seus familiares em relação aos cuidados recebidos durante a internação hospitalar. A principal intenção da pesquisa é ouvir os pacientes e detectar possíveis desvios de qualidade na assistência prestada, para assim traçar estratégias de melhoria. 

 

No total, 625 pessoas responderam ao questionário. Foram feitas três perguntas aos pacientes, com o objetivo de avaliar a qualidade dos serviços médicos, de enfermagem e a qualidade em geral. Diante de tais questionamentos, 80% dos pacientes classificaram os atendimentos médicos como ótimos e 16% como bons. Quanto aos atendimentos de enfermagem, 80% também foram classificados como ótimos e 19% como bons. E na avaliação do atendimento em geral, 78%  classificaram como ótimos e 20% como bons. Apenas 14% dos entrevistados apresentaram queixas ou sugestões que foram coletadas e estão sendo avaliadas visando aperfeiçoar o atendimento. 

 

Um dos responsáveis pela elaboração da pesquisa, dr. Alysson da Silveira Campos, médico do Setor de Qualidade da Unimed Vale do Aço, considerou satisfatório os resultados obtidos. "Escutar o que os pacientes e familiares têm a dizer sobre o atendimento é requisito fundamental do processo de gestão da qualidade hospitalar. Essa escuta tem por objetivo diagnosticar possíveis fragilidades na assistência prestada aos enfermos e, a partir desses diagnósticos, buscar a construção de planos de ações preventivos e corretivos que promovam a excelência dos nossos serviços", concluiu.


Tags:

Publicado as 12:13 por Jéssica Nogueira Calixto  |  Comentários [1] .
01 Sexta-feira · Dez, 2017

Unimed disponibiliza laudos de exames laboratoriais online

Na segunda-feira (27) a Unimed Vale do Aço disponibilizou mais um serviço aos seus clientes. Agora é possível retirar os resultados de exames laboratoriais em casa, ou em qualquer local com acesso à internet, através do site http://laudosweb.unimedva.com.br/laudos_web/.

 

Para a implantação do sistema online foi realizado um trabalho em conjunto entre o Laboratório e o setor de Tecnologia da Informação da Unimed, que fez a integração dos sistemas utilizados e dos exames que são terceirizados, além da implantação da assinatura digital. De acordo com a gerente do laboratório Natália Peixoto, foram realizados vários testes e validações visando a melhor forma de entregar o laudo ao cliente. 

 

"A partir de agora o cliente terá comodidade de poder consultar seus resultados pela web, sem a necessidade de deslocar-se a uma de nossas unidades", comentou. 

 

FUNCIONAMENTO
Ao realizar o exame, o cliente recebe um protocolo de entrega que constará o endereço do site, login e senha. Estes são individuais e são gerados a cada atendimento realizado. Portanto, é importante não ir embora do laboratório sem o protocolo. 

 

NOVIDADES
Desde o último ano o laboratório da Unimed Vale do Aço vem passando por vários investimentos em equipamentos e estrutura, como a reforma do espaço no Núcleo de Especialidades e Diagnóstico de Ipatinga (NED). "Em 2018 teremos outras novidades, como a inauguração de um novo posto de coleta na cidade de Ipatinga, aumentando a área de atendimento para nossos clientes", revelou Natália. 

 


Tags:

Publicado as 09:22 por Jéssica Nogueira Calixto  |  Comentários [2] .
16 Quinta-feira · Nov, 2017

Hábitos de vida saudável é tema de palestra na Unimed

 

Colaboradores do Hospital Metropolitano Unimed Vale do Aço participaram de uma palestra ministrada pela médica cardiologista e especialista em emagrecimento dra Cybelle Augusta Vasconcellos Castro com o tema: "as rotas para emagrecimento e hábitos de vida saudáveis". O evento contou com a participação de 93 colaboradores que puderam esclarecer muitas dúvidas.
A médica começou falando sobre a importância de obter hábitos saudáveis. "Viver saudável não é só  para quem está acima do peso, todos temos que ter o compromisso de viver bem. Temos que querer mudar para nos sentirmos bem e a partir daí mudarmos nosso estilo de vida", afirmou.
Ela aproveitou o momento para falar do aumento da obesidade no mundo. "A obesidade já é uma epidemia e cavamos nossa própria cova com garfos e facas. Nos EUA a obesidade já é o maior problema de saúde e essa realidade não está muito distante do Brasil. E eu posso afirmar a vocês que quem está acima do peso vive menos. Até uma pessoa magra pode estar com sobrepeso e o excesso de percentual de gordura apresenta muitas complicações secundárias", informou.

 

DIETA
Ainda de acordo com a médica a dieta é fundamental e corresponde a 70% do processo de emagrecimento. "A escolha é de cada um, ou a gente muda e vive mais e melhor ou alimentamos mal e corremos o risco de desenvolvermos doenças e termos uma morte prematura. Emagrecimento reflete em uma vida saudável e com intestino saudável também".
A médica falou ainda sobre a importância de cortar o açúcar da dieta. "Farinhas, açúcar e doces devem ser eliminados porque acabam por dar mais fome. E alimentos refinados estão associados a câncer de estômago, de intestino, de mama, de tireoide, dentre outros. E os adoçantes artificiais são considerados um perigo, pois podem causar de perda de memória a Parkinson e Alzheimer por conta de uma substância chamada aspartame. Essas praticidades do mundo moderno estão destruindo a nossa saúde então pelo menos 60% das nossas calorias devem vir das verduras e legumes".

Outro assunto abordado pela profissional foi a compulsão alimentar. "Temos muitas coisas que fazem com que sabotemos o emagrecimento como as escapulidas da dieta, a bebida alcoólica, o sedentarismo e alterações hormonais. E temos ainda os casos de compulsão alimentar e que em muitos casos as pessoas não percebem, mas muitos têm problemas emocionais e acabam por descontar na comida. As pessoas acabam usando válvula de escape com coisas que não fazem bem. Então temos que investir no que comemos. É melhor investir em boa alimentação do que em medicação", explicou a médica.

INFORMAÇÃO
De acordo com a doutora, o principal objetivo em oferecer essa palestra aos colaboradores é fornecer informação correta. "Hoje em dia existem muitas informações desconexas e tem um monte de gente que dá dica de dieta e a informação não está coerente. E também temos a ideia de montar um projeto para incentivar os colaboradores a se cuidarem, pois assim eles se sentirão melhores e assim vão trabalhar melhor e vão adoecer menos. Precisamos também melhorar o cardápio e estimular o colaborador a fazer substituições saudáveis", concluiu.
A colaboradora do Setor de Faturamento, Elisângela Carvalho Lacerda saiu satisfeita do evento. "A palestra foi muito boa, algumas coisas que a médica falou eu já tinha conhecimento, mas muita coisa foi surpresa porque desfez vários mitos. Para o meu conhecimento foi muito grande o ganho e passamos tanta parte do nosso tempo no trabalho que precisamos melhorar a alimentação. E dá para trazermos algumas coisas para comer melhor no trabalho também e evitar algumas outras coisas", afirmou.

Ao final da palestra foram sorteados brindes da empresa parceria Viver Bem Nutrição.


Tags:

Publicado as 09:50 por Jéssica Nogueira Calixto  |  Comentários [2] .
08 Quarta-feira · Nov, 2017

Planos de saúde vão oferecer 18 novos procedimentos a partir de 2018

Em janeiro de 2018 entrará em vigor a nova cobertura mínima obrigatória dos planos de saúde estabelecida pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). A Resolução Normativa com a atualização do Rol de Procedimentos e Eventos em Saúde foi publicada na quarta-feira (8/11) no Diário Oficial da União e estabelece a inclusão de 18 novos procedimentos - entre exames, terapias e cirurgias que atendem diferentes especialidades - e a ampliação de cobertura para outros sete procedimentos, incluindo medicamentos orais contra o câncer. Pela primeira vez está sendo incorporado no Rol um medicamento para tratamento da esclerose múltipla.

 

A nova lista de cobertura passa a valer a partir do dia 2 de janeiro e atenderá 42,5 milhões de beneficiários que possuem planos de assistência médica e 22,6 milhões com planos exclusivamente odontológicos. O Rol é obrigatório para todos os planos de saúde contratados a partir da entrada em vigor da Lei nº 9.656/98, os chamados planos novos, ou aqueles que foram adaptados à lei. A lista de procedimentos cobertos pelos planos de saúde é atualizada a cada dois anos para garantir o acesso ao diagnóstico, tratamento e acompanhamento das doenças através de técnicas que possibilitem o melhor resultado em saúde, sempre obedecendo a critérios científicos comprovados de segurança, eficiência e efetividade.

 

A REVISÃO DO ROL

A revisão do Rol de Procedimentos e Eventos em Saúde faz parte de um processo contínuo e periódico realizado pela ANS. O normativo que atualiza a lista de coberturas foi elaborado após extensa discussão realizada no âmbito do Comitê Permanente de Regulação da Atenção à Saúde (Cosaúde), composto por representantes do governo, do setor de saúde suplementar e de órgãos de defesa do consumidor e depois passou por consulta pública para manifestação de toda a sociedade.

 

 

 


Tags:

Publicado as 11:33 por Jéssica Nogueira Calixto  |  Comentários [1] .
03 Sexta-feira · Nov, 2017

2ª Opinião: Ocemg exibe filme aos cooperados

 

Antes da diplomação dos novos cooperados, e com direito a pipoca, suco e refrigerante, os presentes no auditório do Hospital Metropolitano Unimed assistiram ao filme "Os Pioneiros de Rochdale", e puderam participar de um debate sobre o cooperativismo. O evento do Fórum 2ª Opinião foi a última etapa de treinamento dos novos cooperados e contou ponto para o Projeto Inova. 

A ação faz parte do Programa de Formação e Acompanhamento da Organização do Quadro Social das Cooperativas Mineiras (Educa OQS), realizado pelo Sistema Ocemg. Após a exibição do filme, o analista de Desenvolvimento e Monitoramento de Cooperativas do Sistema Ocemg Rogério Coelho conduziu um debate sobre a doutrina cooperativista. 

Dr Paulo Henrique Lemos, coordenador do Núcleo de Desenvolvimento Humano da Unimed Vale do Aço apresentou o Sistema Ocemg e explicou a escolha do filme que foi exibido.

"O filme apresenta os pioneiros do cooperativismo, então temos que aproveitar para relembrar os pioneiros da Unimed Vale do Aço, alguns ainda se encontram com a gente, outros não estão mais aqui. Somado a isso, hoje estamos recebendo novos cooperados que vão ajudar perpetuar cooperativismo", concluiu.

SORTEIO
Como já é tradição nos fóruns e encontros dos cooperados da Unimed Vale do Aço, ao final do evento aconteceu o tradicional sorteio de prêmios. Desta vez foram três edições do livro "A gestão da ignorância e a fórmula do sucesso", escrito pelo cooperado dr Alysson Silveira Campos, os vencedores foram: dr Fernando Faria, dra Zélia Maria Alcântara Batista e o dr Paulo Henrique Lemos. Já o premiado com a cesta especial foi o dr Cássio Schettino. 


Tags:

Publicado as 09:30 por Jéssica Nogueira Calixto  |  Comentários [1] .
25 Quarta-feira · Out, 2017

Bem Cuidar realiza primeiro encontro na Unimed

 

Com o objetivo de oferecer apoio, despertar vontade de se cuidar e ter qualidade de vida para as pessoas com diabetes, a Unimed Vale do Aço realizou na segunda-feira (16) o 1° encontro do grupo Bem Cuidar. Este programa, criado pelo setor de Saúde Integral, é especializado no tratamento e acompanhamento dos beneficiários portadores de diabetes do tipo I ou tipo II, acima de 50 anos.

A reunião aconteceu na sede administrativa no bairro Veneza, em Ipatinga. O grupo vai funcionar por quatro meses com encontros quinzenais. Antes desse primeiro encontro aconteceu um acolhimento para apresentar o programa e saber o real interesse das pessoas, já que o projeto é de livre escolha, o participante pode sair quando quiser. 

"Foi feita uma triagem no banco de dados da operadora para convidar os conveniados com diabetes a conhecerem o projeto. A proposta é que nosso trabalho seja bem dinâmico, não serão palestras meramente formais", disse a enfermeira Cristiane Lírio Leal Vale uma das orientadoras do projeto. Logo depois ela convidou os presentes parar participarem de uma dinâmica para que o grupo se conheça melhor. 

A também enfermeira Patrícia Souza Vilhena disse aos participantes que é preciso querer mudar hábitos de vida, ter força de vontade e perseverança para alcançar os objetivos. "Além da orientação, queremos despertar em vocês a vontade de se cuidar. Não é algo fácil, mas todos podem conseguir", comentou. 

A primeira reunião contou com a presença de 11 pessoas, alguns com o diagnóstico recente de diabetes, outros que já convivem há anos com o problema, como é o caso de 
Túlio Damaso Lopes. 

"Acho importante essas reuniões e acompanhamentos, já participei de outros grupos de diabéticos no setor público, mas aqui promete ser melhor, por não ter mudanças de comando como lá, já que é uma empresa privada. Vocês convidaram a gente e agradeço a oportunidade, vamos aproveitar bem. Pagamos o plano de saúde e as vezes só reclamamos, mas esquecemos de olhar os benefícios, como este", concluiu. 


Bem Cuidar
Para participar do programa é preciso ser cliente Unimed Vale do Aço, não possuir limitações funcionais, ser portador de diabetes tipo I ou II e estar em dia com suas obrigações junto ao plano. Interessados em participar ou obter mais informações sobre o projeto podem entrar em contato com o setor de Saúde Integral pelos telefones 2136-2214 ou 2136-2202.


Tags:

Publicado as 18:45 por Jéssica Nogueira Calixto  |  Comentários [1] .
06 Sexta-feira · Out, 2017

Cooperado da Unimed lança livro no shopping

No sábado (7), das 18h às 21h, na Livraria Leitura no Shopping do Vale acontece o lançamento do livro "A gestão da ignorância e a fórmula do sucesso". A obra foi escrita pelo especialista em terapia intensiva (UTI) e pós-graduado em administração hospitalar, dr Alysson da Silveira Campos. Ele é médico plantonista em Unidades de Terapia Intensiva e médico da Qualidade da Unimed Vale do Aço. 

"Foram cinco anos para produzir esse trabalho fazendo uma vasta pesquisa e usando o conhecimento de vários filósofos e também de Freud dentro da psicanálise. É um livro que traz uma orientação para prevenção de doenças, para promoção de saúde e para desenvolvimento de qualidade de vida usando um conhecimento de filosofia, bem embasado por muitos autores e brincando com uma fórmula matemática, por isso chamado de a fórmula do sucesso", revelou. 

Alysson Silveira também é autor dos livros "Vivendo bem e ativo até os 100 anos" e "Saúde e Espiritualidade - a extraordinária construção do ser". Segundo ele, a nova obra é o fechamento de uma trilogia.

"Esse livro vem fechar uma trilogia, lembrando que no primeiro Vivendo Bem e Ativo até os 100 anos eu foquei em mostrar às pessoas como prevenir as doenças sobre o controle dos principais fatores de risco, no segundo livro o Saúde e Espiritualidade eu faço a pergunta: queremos saúde, mas a queremos para que? Ou seja, muitas vezes queremos saúde, mas não entendemos o valor dela e nele respondo que queremos saúde para cumprir os propósitos para quais fomos criados. Nesse terceiro livro eu pergunto o que poderia destruir tudo isso que debatemos nos outros dois, e o que pode destruir é a ignorância e a incoerência", explicou.

De acordo com o médico e escritor o título A gestão da ignorância e a fórmula do sucesso é uma provocação intencional para estimular a reflexão dos leitores. 

"Falo que o livro é um ensaio sobre a ignorância, um aprofundamento do significado dessa palavra, entendendo a ignorância não como a ausência de escolaridade e sim como um conhecimento incoerente frente ao comportamento. A gente entra dentro da gestão da ignorância muito mais com o objetivo de levar cada leitor ao seu autoconhecimento usando uma pergunta clássica de Sócrates Conhece-te a Ti mesmo e dentro dessa provocação estimulando uma autocrítica. Quero levar cada pessoa a olhar para dentro de si e perceber as incoerências existentes na sua vida acreditando que ao corrigir essas incoerências a gente caminha em direção ao sucesso", comentou.

Além da venda que acontece no dia do lançamento, o livro pode ser adquirido no site: http://www.alyssonsilveira.com.br


Tags:

Publicado as 08:09 por Jéssica Nogueira Calixto  |  Comentários [1] .
01 Sexta-feira · Set, 2017

Viva Bem fala sobre envelhecimento com qualidade

 

Na última semana aconteceu mais uma edição do Projeto Viva Bem, na sede do Movimento da Terceira Idade (Moti), no bairro Veneza, em Ipatinga. Dessa vez o tema foi: Envelhecer com Qualidade - como melhorar a vida do idoso. A palestra foi ministrada pelo dr Eduardo Luiz de Souza, ortopedista, médico cooperado da Unimed Vale do Aço. 

Essa edição do projeto Viva Bem contou com a organização das assistentes sociais Kátia dos Anjos Brito e Kelly Cristina Pedro, que explicou o motivo da volta do médico, que em novembro do ano passado realizou outra palestra no Moti. 

"No final do ano passado fizemos um balanço de nossas palestras e muitos dos participantes do projeto deram sugestões de temas, assim tivemos vários pedidos para o retorno do dr Eduardo para falar sobre qualidade de vida, por isso o convidamos de volta", explicou.

O médico abordou vários temas como: sexo; quedas e fraturas e seus fatores intrínsecos e extrínsecos; pneumonia; alimentação saudável; e diarreia, que faz a pessoa perder sódio, potássio, desidratação e pode levar a morte. 

"Qualidade de vida envolve muitas coisas como carinho dos filhos e netos, um papo com amigos, boa alimentação e atividade física. Espero que essa conversa tenha contribuído para o bem viver de cada um e que todos possam repassar algo que aprenderam nessa conversa, para amigos e familiares", comentou o ortopedista.

OPINIÃO
Os participantes aprovaram o tema e ficaram interessados em tudo que foi abordado. Como disse o senhor Manoel do Nascimento, do bairro Veneza. "Foi ótimo, gostei muito dos assuntos discutidos, pena que o tempo foi curto. É muito bom receber boas dicas", falou.

O senhor João Barbosa da Silva, também morador do Veneza foi outro que aprovou o evento. "Gostei demais. Esse assunto é muito importante para todos, não só para idosos. O tema é amplo e trouxe muito conhecimento", disse.

VIVA BEM

O Projeto Viva Bem existe desde 2006 em parceria com a Unimed Vale do Aço, com a coordenação da Assistente Social Kátia dos Anjos Brito. Uma vez por mês a cooperativa oferece uma palestra aos participantes do Movimento da Terceira Idade (MOTI) para esclarecer assuntos de interesse dos idosos.


Tags:

Publicado as 09:26 por Jéssica Nogueira Calixto  |  Comentários [1] .
03 Quinta-feira · Ago, 2017

Equipe da Unimed Juiz de Fora visita HMU

 

O Hospital Metropolitano Unimed (HMU) foi inaugurado em novembro de 2015, e desde então vem se tornando uma referência em vários aspectos. Isso é comprovado com as constantes solicitações de visitas técnicas. A última que aconteceu foi de uma equipe de 15 pessoas da Unimed Juiz de Fora, que na semana passada passou dois dias na unidade hospitalar conhecendo diversos setores.

Gestores do HMU, superintendentes e representantes da diretoria participaram da recepção aos integrantes da Unimed Juiz de Fora. O Diretor Financeiro, Dr. Cássio Schettino Campos, deu as boas vindas aos presentes e agradeceu a visita. "É um prazer recebê-los aqui no nosso hospital e estamos felizes com a possibilidade de compartilhar informações. Fazemos parte de uma importante cooperativa e andamos juntos e esse é o início de uma boa parceria", disse.

Em seguida, o Gerente de Qualidade da Unimed Vale do Aço, Gleidson Dias Mendes, iniciou a apresentação aos visitantes mostrando a visão processual de como os setores do HMU se comunicam. "O hospital conta com uma localização estratégica e temos uma gestão compartilhada e uma integração setorial. E ao longo desse um ano e oito meses de funcionamento conseguimos melhorar os nossos processos e revisar bastante coisa. E tudo isso foi feito em união com diversas áreas do HMU, muitas pessoas, como gestores, diretoria e coordenadores", explicou Gleidson.

VISITAÇÃO
Após uma breve apresentação de todas as áreas do hospital, os participantes foram convidados a fazer uma visita pelas instalações do HMU. Em seguida, os colaboradores da Unimed Juiz de Fora foram divididos em grupos de acordo com a área de atuação e acompanharam o trabalho dos setores para entender melhor os processos.

De acordo com o superintendente de Controladoria e Finanças da Unimed Vale do Aço, Eduardo Ferreira Tavares, a visita dos colaboradores de Juiz de Fora, dentre outros aspectos, servirá para estreitar a relação entre as duas cooperativas. "Vamos manter o intercâmbio, hoje além das visitas temos a facilidade das videoconferências, se as Unimeds não se unirem fica complicado disputar o mercado com as multinacionais. Nossa Federação já está ajudando, então temos que aproveitar todos encontros e intercâmbios", afirmou Eduardo.

Para a gerente de Pessoas e Logística da Unimed Juiz de Fora, Aline Zampa, a visita ao Hospital Metropolitano Unimed Vale do Aço foi uma experiência enriquecedora. "Foram experiências importantes, vamos levar e implantar várias práticas que vocês fazem, na minha área, por exemplo, vamos implantar uma comissão de parametrização; formulário de cadastro de remédios; indicadores do setor de compras, como o calendário e controle de perda da farmácia e o portal do colaborador. Gostaria de agradecer a acolhida, já visitei vários lugares e é difícil as pessoas passarem os conhecimentos como vocês passaram", considerou a gerente.

AGRADECIMENTO
Como agradecimento pela visita ao Hospital Metropolitano Unimed Vale do Aço, a cooperativa presenteou a equipe da Unimed Juiz de Fora com um kit esporte. "Muito obrigado pela acolhida, o sistema Unimed é formado por relacionamentos, as nossas portas também estão abertas para vocês. Temos muitas coisas boas para mostrar também, todos nós estamos em uma busca de excelência que nunca acaba, nesses dois dias que estivemos aqui pudemos enxergar um hospital de outra maneira", disse Welerson Fonseca, gerente Financeiro e de Controladoria da Unimed Juiz de Fora. 

O gerente de Qualidade da Unimed Vale do Aço também agradeceu aos visitantes. "Foi um prazer receber vocês, estamos felizes em mostrar como trabalhamos. Essa troca é importante, também queremos conhecer os métodos de trabalho que vocês usam, tenho certeza que temos muito que aprender. Não escondemos números, processos, nada. Mostramos tudo realmente para dar valor a parceria e intercâmbio", concluiu Gleidson Dias Mendes.


Tags:

Publicado as 08:58 por Jéssica Nogueira Calixto  |  Comentários [2] .
01 Terça-feira · Ago, 2017

Unimed Vale do Aço conquista 2° lugar em premiação de Comunicação

 

Concorrendo com Singulares de todo país, a Unimed Vale do Aço conquistou o 2º lugar na Categoria Publicação Especial, na 13ª edição do Prêmio de Comunicação Unimed do Brasil, com o vídeo institucional do Hospital Metropolitano. A solenidade foi realizada no dia 25 de julho, no Novotel Center Norte, em São Paulo. O coordenador do setor de Comunicação e Marketing, Vinícius Antunes Costa Marçal, representou a instituição na premiação. Na ocasião a Unimed Vale do Aço também ganhou o certificado de excelência na aplicação da marca Unimed e suas diretrizes estratégicas. 

"É muito gratificante receber esse prêmio. É o reconhecimento de um trabalho muito bem executado por toda equipe de comunicação. O apoio de todos do HMU também foi importantíssimo para nosso sucesso. Isto mostra que estamos no caminho certo", declarou Vinícius. 

O prêmio é fruto do trabalho de todo quadro de colaboradores do Hospital Metropolitano se mobilizou para a gravação do vídeo, que produzido e idealizado através de uma parceria do setor de Comunicação, da agência 2P Propaganda e Designer e do Estúdio Um.

O vídeo pode ser visto no canal da Unimed Vale do Aço no Youtube: www.youtube.com/unimedvaledoaco e na Intranet.


Tags:

Publicado as 14:01 por Jéssica Nogueira Calixto  |  Comentários [1] .
21 Sexta-feira · Jul, 2017

HMU reforça campanha contra desperdício

 

Pensando em reduzir a quantidade de alimentos que vai parar no lixo diariamente, a Unidade de Alimentação e Nutrição do Hospital Metropolitano Unimed Vale do Aço relançou a campanha contra o desperdício e reforçou a divulgação. O principal objetivo com a ação é conscientizar os colaboradores da importância de não jogar comida fora e de servir no prato apenas o que for consumir. "Após um ano de campanha, retomamos as ações na tentativa de reduzir ainda mais o desperdício de alimentos, incentivando às pessoas que coloquem no prato somente o que realmente será consumido", explicou Elis Rejane Teixeira Oliveira, nutricionista da UAN.

A campanha lançada há um ano, ganhou mais força e mais cor na última semana. Ao se sentarem as mesas para comer, os colaboradores foram impactados com a informação de que há cada quatro refeições servidos por dia na UAN, uma é jogada fora. "Considero a campanha de redução de desperdício de suma importância para a conscientização dos colaboradores, médicos e profissionais que se alimentam todos os dias no refeitório do HMU, visto que nos leva a refletir  em relação às nossas ações quanto à boa utilização do benefício de nos alimentarmos diariamente com uma comida de qualidade, feita com carinho e critérios. O desperdício é algo inaceitável se pensarmos que muitas são as pessoas que não possuem esta oportunidade de alimentar-se diariamente com dignidade", afirmou Georgia Havena de Souza Gonçalves Alves, colaboradora do Setor de Qualidade.

DADOS
Em agosto do ano passado foi o pontapé inicial da campanha e no período de um ano o resultado alcançado foi significativo, mas de acordo com a nutricionista da UAN, ainda não é o suficiente. "Iniciamos a campanha em 2016 no refeitório do HMU, com o objetivo de conscientizar os comensais sobre a quantidade de comida jogada no lixo. As ações foram no sentido de mostrar os números, instituir metas e promover a participação dos colaboradores. E no primeiro mês intenso de campanha, observamos uma redução de 63,5%. Desde agosto de 2016 até junho de 2017, a média tem sido em torno de 170 kg, o que ainda representa uma grande quantidade de alimentos que são desperdiçados", concluiu a nutricionista da UAN.

A campanha será contínua ao longo do ano visando reduzir cada vez mais os índices de desperdício do Hospital Metropolitano.


Tags:

Publicado as 08:46 por Jéssica Nogueira Calixto  |  Comentários [3] .
07 Sexta-feira · Jul, 2017

Workshop esclarece dúvidas sobre a APS

 

Em breve a Unimed Vale do Aço implantará um novo produto, o Unimed Pleno. Ele será o primeiro plano que atenderá dentro da nova proposta da Cooperativa, a Atenção Primária à Saúde (APS). Os primeiros clientes a receber esse novo jeito de atendimento serão os colaboradores da Unimed, que em breve conhecerão todos os detalhes do novo plano, com uma campanha explicativa. 

Para repassar informações e esclarecer dúvidas, a Superintendência de Provimentos de Saúde em parceria com o Núcleo de Desenvolvimento Humano (NDH), organizou um Workshop na última quinta-feira (29) com as lideranças da instituição e membros da diretoria. Participou também o consultor Renan Arivabene Bonomo (enfermeiro, com MBA de Gestão e consultor em várias Singulares da Unimed na implantação da APS). Na parte da manhã o novo plano foi apresentado no Hospital Metropolitano e a tarde na sede administrativa. 

Com esse encontro, a Unimed espera que os coordenadores, gestores e superintendente que participaram do Workshop, reforcem as informações aos seus colaboradores. Dra Eliana Lima Cunha de Freitas, Superintendente de Provimentos de Saúde falou sobre os benefícios que a APS ofertará aos clientes. 

"Teremos muitas vantagens e melhorias para a qualidade de vida das pessoas. Vamor ter o maior controle da saúde do paciente, para contribuir com a longevidade e para termos uma condição de vida mais saudável do que enxergamos hoje nas pessoas. A proposta veio para ficar, a estruturação dos processos estão praticamente prontas e trouxemos vocês aqui hoje para conversar, mostrar o programa e o diferencial que isso vai fazer na vida de vocês", explicou Dra Eliana.

HMU
Na apresentação no Hospital Metropolitano, o Diretor-Presidente da Unimed Vale do Aço, Dr José Maurício Nolasco Nascimento falou sobre como a APS melhorará a assistência prestada. "Estamos acompanhando a tendência mundial que é dar uma assistência melhor aos nossos usuários e por isso vamos começar o programa com os colaboradores, pois acreditamos nessa mudança e estamos investindo nessa proposta. Vocês são as pessoas que vão propagar essas ideias aos seus colaboradores", afirmou o diretor.

Dr Paulo Henrique Lemos, coordenador do NDH foi responsável por apresentar o novo plano aos participantes do workshop. Ele falou também sobre os resultados que serão obtidos por meio da APS. "Hoje em dia na era digital as pessoas tem pouco tempo e falta tempo até de ir ao médico. E muitas vezes uma consulta leva a gente para uma rede de fragmentação onde temos que fazer vários exames e esperar agendar uma nova consulta para retornar com os resultados de exames. Quem está sendo assistido pela APS, tem o telefone, tem sempre algum profissional que vai orientar e direcionar o paciente pelo sistema de saúde. Na APS existe uma resolubilidade que beira os 90%", contou.

SEDE
Na apresentação da Sede Administrativa, Dra Eliana falou também sobre o início da APS. "Todo projeto que é iniciado um dia sai do papel, e a Atenção Primária a Saúde está em vias de se iniciar. É uma nova realidade que veio para ficar, é uma mudança expressiva", disse.

O consultor Renan Arivabene Bonomo aproveitou para informar que muitas Unimeds já aderiram a essa nova modalidade de atendimento. "Não inventamos esse sistema de atendimento, a APS é algo que funciona muito bem e quem não seguir esse caminho de atendimento poderá ter dificuldades no futuro. Na Europa e nos Estados Unidos também tem lugares que já implantaram. E atualmente, 20% das Unimeds já possuem ou estão adotando a Atenção Primária. É um projeto que não tem volta, esse é o futuro da medicina suplementar", considerou o consultor.

Os médicos que atuarão na APS, Dra Sílvia Bastos e Dr Pedro Gonçalves, também participaram do Workshop na Sede Administrativa. Os presentes aproveitaram para fazer várias perguntas aprovaram a iniciativa. "Achei muito importante a abertura desse espaço para questionarmos e esclarecermos nossas dúvidas, que serão as de todos os colaboradores. No mais, parabenizo todos os envolvidos nesse projeto, que não pouparam esforços para fazer acontecer. Realmente ficou excelente, será um sucesso", disse Luiza Alves Duarte, coordenadora de atendimento. 

REVENDAS
Na sexta-feira (30) foi a vez das revendas autorizadas da Unimed Vale do Aço participarem do Workshop com o consultor do projeto. Colaboradores da Kamed, PlanVida e AgênciaMED, tiveram a oportunidade de conhecer melhor o novo produto.


Tags:

Publicado as 09:11 por Jéssica Nogueira Calixto  |  Comentários [1] .
22 Quinta-feira · Jun, 2017

Projeto BIS é lançado no HMU

 

Foi lançado na última terça-feira (20/06) no Hospital Metropolitano, o projeto BIS - Banco de Ideias e Soluções. O programa tem como objetivo coletar sugestões dos colaboradores da Cooperativa para ajudar no desenvolvimento da Unimed Vale do Aço. 

O projeto é de autoria do Núcleo de Desenvolvimento Humano, coordenado pelo Dr Paulo Henrique Lemos Moares, que promoveu a abertura oficial do programa em ação realizada no refeitório do HMU. "Estou muito feliz em lançar esse projeto, pois queremos saber a opinião dos colaboradores. Sobre o que pode ser melhorado no trabalho e na assistência da nossa cooperativa. Toda empresa possui problemas e acreditamos que quem sabe mais sobre a resolução dessas situações é quem está no dia a dia do trabalho, próximo ao cliente e aos processos. Sabemos que dependemos muito do conhecimento dos nossos colaboradores e por isso a Unimed está lançando esse projeto que através de um formulário as pessoas vão poder citar um problema e dar a sua ideia de como ele pode ser resolvido", explicou.

Para participar do projeto, basta o colaborador acessar o formulário na intranet, escrever sua ideia e depositá-la na urnas que estarão espalhadas em pontos estratégicos da cooperativa. As propostas serão analisadas e os colaboradores serão recompensados com uma caixa do chocolate Bis. No final do ano, a melhor ideia que for executada ganhará um super prêmio: um videogame Playstation 4.

Quem trabalha no HMU já pode participar do projeto BIS. A urna encontra-se no corredor principal, próximo ao relógio de ponto. Nos próximos dias o projeto será lançado nas outras unidades, Sede Administrativa e Núcleos de Especialidades e Diagnósticos.

Recepção

Os colaboradores receberam com animação a novidade. "Achei muito interessante esse projeto. Já vi colaboradores passando pelos corredores super empolgados e empenhados em terem uma boa ideia para ganharem o prêmio final. Ações como essa motivam as pessoas, pois todo projeto que tem um estímulo tem mais aceitação por parte dos colaboradores", comentou Liliane Ferreira Morais Coelho, assistente social da Unimed Vale do Aço.

Clique no link para saber como compartilhar a sua ideia http://unimed.me/1004HV 


Tags:

Publicado as 15:18 por Jéssica Nogueira Calixto  |  Comentários [1] .
02 Sexta-feira · Jun, 2017

Corpo de Bombeiros ministra treinamentos no HMU

 

Durante oito datas no mês de maio, os colaboradores do Hospital Metropolitano Unimed passaram por um treinamento de combate a incêndio, ministrado pelo Corpo de Bombeiros. O objetivo é capacitar o maior número possível de colaboradores para que estejam aptos a ajudar no controle de um possível princípio de incêndio. A programação foi organizada pelo Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e Medicina do Trabalho (Sesmt).

De acordo com o soldado Reinaldo, do pelotão de Coronel Fabriciano, que foi instrutor do treinamento, esse tipo de atividade é de grande importância no dia a dia.

"É importante todos saberem o princípio de combate ao incêndio, porque é algo que pode acontecer a qualquer momento e em qualquer lugar e se a pessoa tiver uma mínima noção, já pode salvar uma vida. É muito bom as empresas se preocuparem com isso", disse.

O treinamento é teórico e prático, com vídeos e dinâmicas ensinando como se proceder em situações de risco, além de uso de mangueiras e extintores. Segundo Everson Pereira da Silva, técnico de segurança no Sesmt a ideia de vários dias é para formar o número de brigadista exigido pela normativa.

"Além de ser uma exigência passiva de fiscalização, é de grande importância a formação dos brigadistas em parceria com o Corpo de Bombeiros, para capacitar os colaboradores como proceder na ocorrência de incêndio na instituição. O treinamento é para todos os setores do hospital seguindo uma porcentagem exigida por setor, por isso fizemos em vários dias, para atender o número de brigadista exigido", explicou.

Os colaboradores aprovaram a ideia, muitos ficaram empolgados com a primeira chance de usar um extintor de incêndio. "É importante capacitar os profissionais da instituição, isso acrescenta na vida da gente, pois o incêndio pode acontecer em qualquer lugar. É muito válido esse tipo de treinamento, pois podemos ajudar a salvar pessoas", disse Ana Márcia, colaboradora da enfermagem do Pronto Atendimento que teve a oportunidade de apagar fogo usando um extintor.


Tags:

Publicado as 10:49 por Jéssica Nogueira Calixto  |  Comentários [1] .

Portal Nacional de Saúde - Unimed Brasil | Copyright 2001-2009 Portal Unimed. Todos os direitos reservados. Agência Nacional de Saúde Suplementar