Pesquisar


Calendário

« Setembro 2018
SegTerQuaQuiSexSábDom
     
1
2
4
7
8
9
15
16
21
22
23
25
26
27
28
29
30
       
Hoje


24 de Setembro de 2018, Segunda-feira

 

Suicídio é assunto em Roda de Conversa na Casa Unimed

No dia 20 de setembro, aconteceu no Espaço Viver Bem - Casa Unimed, uma Roda de Conversa com o tema " Sofrimento e Suicídio a Palavra como Alternativa". O evento organizado pelo setor de psicologia da Unidade, fez parte das ações do Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio, celebrado em 10 de setembro. Aberto à comunidade, a iniciativa  contou com a presença de estudantes de enfermagem, psicologia, medicina, autônomos, do lar e educadores.

Para coordenadora do setor de psicologia, Walkíria Basilato, o evento visou trazer o  tema de forma leve e fácil, para ser dialogado de maneira assertiva . "Para falar sobre suicídio, é preciso dizer corretamente sobre sua prevenção, portanto realizamos um momento de educação em saúde de forma acolhedora", ressalta. 

A Roda de Conversa contou com a apresentação de três profissionais da Cooperativa: As psicólogas, Aline Albino e Débora Campos, o médico cooperado e psiquiatra, Dr. Milton Baldow. A equipe abordou a temática do suicídio em diferentes contextos e fases da vida, pontuando a importância de compreender o sofrimento do outro, além de prestar atenção aos sinais de gravidade para contribuir de forma efetiva, evitando sua ocorrência.

Saiba mais

A Campanha  Setembro Amarelo promove a valorização à vida. Quase 800 mil pessoas se suicidam por ano e a cada 40 segundos, uma pessoa se suicida no planeta, conforme dados divulgados pela OMS. A organização internacional considera a prática do suicídio um problema de saúde pública e recomenda que países identifiquem os principais métodos que algumas pessoas usam para pôr fim à própria vida.

Tags: roda_conversa_suicidio  
Publicado as 08:53 por Comunicação  |  Comentários [0] .

 

Lucas Vieira - 24/09 - Hospital

Fabricia Fernandes Soares - 24/09 -  Hospital

Vanderleia Nunes de Souza Pinheiro - 24/09 - Hospital

Francielle Liberato Fernandes - 24/09 - Hospital

Lorena Alvarenga Lage -  24/09 - Casa Unimed

Akyla Thais de Paula Goncalves - 25/09 -  Sede

Monica Ventura Pinheiro - 25/09 - Hospital

Juliana Charles de Almeida - 26/09 - Hospital

Renata Bento de Oliveira - 26/09 - Casa Unimed

Rosangela Rodrigues Monteiro - 27/09 -  Hospital

Ludmila de Oliveira Santos - 27/09 - Hospital

Welida Pereira Gomes - 27/09 - Hospital

Raquel Pereira da Silva - 27/09 - Sede

Fernando Barbosa Milholo - 27/09 - Hospital

Marlucia da Cruz Silva - 27/09 -  Hospital

Daieny Neves de Moura Fernandes - 28/09 -  Hospital

Camila Araujo Linhares Freitas -  28/09  -   Hospital

Igo Marcílio Fernandes dos Reis - 28/09 - Hospital

Aline Gomes da Silva - 29/09 - Casa Unimed

Vaneila de Medeiros Ferreira Rodrigues -  29/09 -  Hospital

Fabricio Rodrigues Moreira - 29/09 -  Casa Unimed

Daniel Paiva da Rocha - 29/09 -  Hospital

Thyara Rafaela Neiva Oliveira - 29/09 - Hospital

Lailla Veronica Moreira Costa Sales Lopes - 29/09 - Casa Unimed

Vania do Nascimento Sampaio - 30/09 - Sede

Ana Paula Xavier Caldeira -  30/09 - Laboratório

Tags: 30/09   24   a   aniversariantes  
Publicado as 08:17 por Comunicação  |  Comentários [4] .
20 de Setembro de 2018, Quinta-feira

 

Simpósio discute qualidade e segurança ao paciente

Na última segunda-feira (17), aconteceu no auditório do Hospital Unimed Gov. Valadares, o 3° Simpósio de Qualidade e Segurança ao Paciente. Cerca de 120 pessoas  participaram do evento, dentre elas, colaboradores do setor de enfermagem, acadêmicos da Universidade Presidente Antônio Carlos (UNIPAC), enfermeiros e técnicos da região.

O seminário teve por objetivo promover a atualização dos profissionais e suscitar um espaço para discussão a respeito dos temas apresentados. Após a abertura do evento, a enfermeira convidada Glaucia Dau, palestrou sobre as  Estratégias para Prevenção de Infecção de Sítio Cirúrgico (CME/CC), abordando as inovações e as perspectivas para este segmento. " Momentos como este, em que se reúnem acadêmicos e profissionais, são importantes para avaliarmos a prevenção com um olhar holístico. É uma cadeia, uma integração de todos os profissionais de processos, em prol da segurança do paciente. É necessário que comece uma sensibilização desde a academia, para que este futuro gestor em saúde,  enfrente os problemas com base em evidências para as práticas do dia a dia.

Concentrada nas palestras, a  enfermeira da Casa Unimed Fernanda de Carvalho, falou da oportunidade de aprender ainda mais por meio do simpósio. " O evento foi pertinente para ampliar o conhecimento técnico e científico, além de  estimular o diálogo entre setores de saúde, beneficiando a assistência ao paciente".    

Promovido pela empresa BioHosp/3M, o simpósio teve o apoio de setores do Hospital Unimed, como o Serviço de Controle de Infecção Hospitalar (SCIH), o Núcleo de Segurança do Paciente, e do curso de Enfermagem da UNIPAC. No decorrer da ação, os participantes também acompanharam a palestra , "Fixação Segura - Atualização do manual da ANVISA", com a enfermeira de Belo Horizonte, Mariana Raquel. Ao final, esclareceram as dúvidas durante a mesa-redonda, mediada pelo enfermeiro da Unidade Mauro Lúcio.

Tags: simposio_unimed_qualidade  
Publicado as 14:47 por Comunicação  |  Comentários [0] .
19 de Setembro de 2018, Quarta-feira

 

 

Estudantes de enfermagem visitam Casa Unimed  

No dia cinco de setembro, acadêmicos do curso de enfermagem da Universidade Vale do Rio Doce (Univale), foram à Casa Unimed para uma visita técnica. A ação visou  observar a estrutura, e os serviços que são prestados aos pacientes  pela equipe de saúde multidisciplinar da Unidade. Na ocasião, foi realizada uma consulta de enfermagem ao idoso com avaliação multidimensional, conduzida pelas profissionais: Fernanda de Carvalho e Lorena C. F. Batista, ambas, enfermeiras e Irene Martins, fisioterapeuta.

Acompanhados de seus professores, o grupo conheceu o trabalho desenvolvido pela Casa Unimed, como o modelo de abordagem que prioriza medidas de prevenção, promoção e assistência à saúde, com foco no atendimento integral ao paciente.

Além das atividades realizadas na Casa Unimed, os estudantes foram apresentados aos diferentes programas da Unidade, sendo eles: O Acompanhamento de Crônicos, Alívio, Viva Leve, Saúde da Gestante, Neuroser, Saúde do Trabalhador, e o Gerenciamento de Crônicos, este, atende um a público, em sua maioria acima de sessenta anos, que apresentam doenças crônicas, como a hipertensão arterial, diabetes, fibromialgia, artrose, osteoporose, dentre outras.

A coordenadora do Gerenciamento de Crônicos da Casa Unimed, Irene Almeida, ressaltou a satisfação em acolher os alunos " Para nós colaboradores, é sempre uma alegria receber os estudantes da área de saúde para apresentar o trabalho que realizamos com nosso pacientes a fim de melhorarem sua saúde e qualidade de vida. Essas visitas se transformam em uma troca de conhecimentos e interação com a nova geração de profissionais da saúde. Sempre são muito interessados no conhecimento que temos a passar. A Unimed Gov. Valadares sempre está aberta a novas parcerias e recebe de braços abertos os alunos para suas visitas técnicas, disponibilizando profissionais que apresentem os programas aqui executados."

Tags: visita_tecnica_enfermagem  
Publicado as 17:10 por Comunicação  |  Comentários [0] .

 

Você já deu risada hoje?

Você sabia que o riso pode ajudar na prevenção de doenças do coração? É o que diz vários estudos internacionais. Entenda como isso funciona e porque você deve sorrir mais 

Você já deve ter escutado a expressão "rir é o melhor remédio". E saiba que, ao que indicam estudos internacionais, esse ditado popular pode estar cheio de verdades. A risada ou a gargalhada é capaz de alterar o humor até mesmo de quem estiver ao seu lado.

Quando estamos diante de situações desagradáveis que geram estresse, sofrimento, raiva, desespero, medo, mal humor ou qualquer outro sentimento ruim, há um desequilíbrio na energia vital. Isso ocorre porque corpo e mente estão interligados e os estados emocionais negativos geram energia negativa, ocasionando um desequilíbrio psicossomático.

Para ajudar na reversão desses sentimentos, uma das saídas é o riso, que provoca sensações de prazer e bem-estar ao cérebro e organismo. Estudos revelam que o riso diminui os níveis dos hormônios do estresse, reduz a inflamação nas artérias e aumenta o "bom" colesterol.

Veja o que mais o riso pode fazer por você:

 * Ajuda a relaxar o corpo e a mente;

* Contribui para o fortalecimento das defesas orgânicas;

* Melhora a circulação e a pressão arterial;

* Ajuda a diminuir a frequência cardíaca;

* Reduz o risco de ataque cardíaco e derrame;

*  Ativa a liberação de substâncias que combatem o estresse;

* Libera neurotransmissores do bem-estar - dopamina, endorfina e serotonina.

Texto: Jailde Barreto / Design: Alex Mendes e Gustavo Deip
Fonte: Psychology Today, A Terapia do Riso. A cura pela alegria, Dr. Eduardo Lambert. Editora Pensamento e Harvard Medical School.
Conteúdo aprovado pelo responsável técnico-científico do Portal Unimed.

Tags: 09   +saúde_   19  
Publicado as 08:44 por Comunicação  |  Comentários [0] .
18 de Setembro de 2018, Terça-feira

 

 

Tags: valorização_do_intercambio  
Publicado as 08:47 por Comunicação  |  Comentários [0] .
17 de Setembro de 2018, Segunda-feira

 

Claudinei Hilario Silva - 17/09 - Sede

Carolina de Fatima Oliveira Ferreira - 17/09 - Hospital

Joyce da Cruz Messias - 17/09 - Hospital

Monica Duque Faical - 17/09 - Sede

Roberta Camelo Ferreira - 17/09 - Laboratório

Giselle Silva Pinheiro Neves - 18/09 - Hospital

Antonia Fernandes de Souza - 18/09 - Hospital

Juliana Vieira de Carvalho - 18/09 - Sede

Fellipe Oliveira Soares - 19/09 - Hospital

Siderlan Pedro Lopes dos Santos - 19/09 - Laboratório

Lidia Mara da Silva - 19/09 - Hospital

Dayana Oliveira Teixeira - 20/09 - Sede

Elisabeth Alves Chaves - 22/09 - Casa Unimed

Franciele de Queiroz Santos - 23/09 - Casa Unimed

Brayan Goncalves Jordao - 23/09 - Hospital

Tags: a   17   aniversariantes   23_09  
Publicado as 08:26 por Comunicação  |  Comentários [2] .
14 de Setembro de 2018, Sexta-feira

 

Roda de Conversa com Gestantes: Diálogo, acolhimento e aprendizado

O evento discutiu a importância do vínculo mãe-bebê

De maneira  dinâmica e descontraída, a Casa Unimed promoveu no Espaço Viver Bem - uma Roda de Conversa com Gestantes, com o intuito de orientar este público que está nesta fase de mudanças, e dúvidas, sobre a chegada de uma nova vida no ambiente familiar. Ao todo, 14 gestantes beneficiárias Unimed, participaram do momento preparado especialmente para elas.

O bate-papo foi conduzido pela psicóloga da Unidade Cláudia Soares, que falou sobre a importância da construção do vínculo entre mãe-bebê, fundamental para o desenvolvimento emocional e psicológico da criança, além de inúmeras orientações  inerentes ao exercício da maternidade.

A enfermeira da Casa Unimed Lailla Sales, disse que a proposta visou conscientizar as mães sobre o relacionamento entre mãe e filho, a fim de evitarem futuros transtornos com as crianças.


Clique aqui e confira todas as fotos do evento! 

 

Tags: roda_de_conversa  
Publicado as 10:03 por Comunicação  |  Comentários [0] .

 

Tags: dia_do_cliente  
Publicado as 08:20 por Comunicação  |  Comentários [0] .
13 de Setembro de 2018, Quinta-feira

  

Cooperados prestigiam mais uma edição do Unimed 19h30

O futuro da saúde suplementar e o cooperativismo foi tema do projeto Unimed 19h30, que aconteceu no dia 11 de setembro, organizado pelo Núcleo de Desenvolvimento Humano (NDH) da Unimed Gov. Valadares. Cooperados de diferentes especialidades participaram da palestra ministrada pelo médico Dr. José Augusto Ferreira, diretor de provimento de saúde da Unimed-BH.

As boas-vindas foram dadas pelo Presidente da Cooperativa, Dr. Anderson Pereira dos Santos. Também estavam presentes, o Diretor de Integração e Mercado Dr. Paulo Roberto de Azevedo Bicalho  e o  Diretor de Controle, Dr. Paulo Roberto Fontes.

Durante o evento, Dr. José Augusto apresentou aos cooperados as perspectivas do mercado de saúde brasileiro e a visão cooperativista aplicada às melhorias de processos e gerenciamentos, pontuando que o cenário continua incerto e desafiador na área da saúde brasileira e que as Unimeds devem ficar atentas ao que acontece na Saúde Suplementar, como um mercado que tem se movimentado, mesmo sendo altamente regulado pela ANS.

Na ocasião, Dr. Paulo Roberto Fontes, destacou a relevância da projeto realizado pelo NDH. "Este evento é importantíssimo para a Unimed Gov. Valadares. Quanto mais os cooperados entenderem isso e vierem, eles vão aprender bastante, e isto contribui para a melhora e o engrandecimento da nossa Cooperativa. É preciso que todos compreendam isso. Este assunto foi palpitante! O José Augusto é um excelente palestrante, nos trouxe coisas  novas, deixando uma série de interrogações para que possamos pensar melhor no futuro", conclui.

Logo após, foram sorteados um tablet, uma cafeteira e duas bolsas-congresso, no valor de R$ 1.500,00 e R$ 2.000,00. Os sortudos foram, respectivamente:  Dra Ana Paula Pimetel; Dr Cristian Lois; Dr. Edimar Tadeu de Oliveira e Dr. Wilson Morlin.

Tags: unimed_19h30  
Publicado as 16:40 por Comunicação  |  Comentários [0] .
12 de Setembro de 2018, Quarta-feira

 

 

Tags: valorização_intercambio  
Publicado as 09:03 por Comunicação  |  Comentários [0] .
11 de Setembro de 2018, Terça-feira

 

Comer carboidrato à noite engorda ou não?

Entenda como o carboidrato age no organismo e se de fato ele pode estar atrapalhando a sua dieta

As dietas da moda costumam garantir perda de peso rápido, redução de gordura abdominal, entre outras promessas. Seja qual for a dieta é preciso cuidado ao banir o consumo de certos alimentos do dia a dia, como aqueles que contêm carboidrato. Vale ressaltar que retirar o carboidrato da alimentação diária, principalmente sem a orientação de profissionais de saúde, pode ser prejudicial para o organismo.

O carboidrato é um dos alimentos essenciais para o corpo e faz parte de uma alimentação balanceada. Ele funciona como um combustível, que se transforma em glicose e, posteriormente, em gordura. Ao consumi-lo e praticar atividade física, o organismo acumula menos gordura. Quando se consome carboidrato à noite, sem realizar nenhum exercício físico posteriormente, o corpo tende a acumular mais gordura. O ganho de peso, portanto, está relacionado, muitas vezes, ao consumo calórico superior ao gasto energético.

Box de informações

1) - Segundo Ministério da Saúde, não existe nenhum consenso de que comer carboidrato à noite engorda.

2) - O ganho de peso está relacionado ao baixo gasto energético (comer e não praticar atividade), e à alta ingestão de calorias ao longo do dia.

3) - A perda ou ganho de peso vai além da restrição de alimentos e calorias. Alterações no metabolismo, estilo de vida e prática de exercícios fisícos, são alguns dos fatores que influenciam no peso.

4) - O Ministério da Saúde recomenda uma alimentação balanceada para ajudar na manutenção do peso ideal. Desta maneira, carboidratos, frutas, legumes, verduras e proteínas devem fazer parte das refeições.

5) - Invista em alimentos in natura e minimamente processados e evite os ultra processados.

6) - Faça três refeições ao longo do dia (café da manhã, almoço e jantar) e pequenos lanches intermediários.

Texto: Jailde Barreto / Design: Alex Mendes e Gustavo Deip
Fonte: Ministério da Saúde e Desmistificando dúvidas sobre alimentação e nutrição. Universidade Federal de Minas Gerais e Ministério da Saúde. 2016
Conteúdo aprovado pelo responsável técnico-científico do Portal Unimed.

Tags: comer_carboidrato_a_noite  
Publicado as 17:54 por Comunicação  |  Comentários [0] .
10 de Setembro de 2018, Segunda-feira

 

 

 

Rafael Araujo da Silva - 10/09 -  Casa Unimed

Letycia Hevelin da Silva Rodrigues - 11/09 -  Hospital

Mayra Lucia Pinel - 11/09 -  Hospital

Dieury Rodrigues dos Santos -  12/09 -  Farmácia

Andre Vilas Boas de Souza - 13/09 - Hospital

Wilson Rodrigues Junior - 13/09 - Hospital

Glenda Helena de Paula - 14/09 - Hospital

Norma Bicalho de Assis Magalhaes - 14/09 - Laboratório

Cleverson da Costa Almeida - 14/09 - Sede

Rosana Maria da Silva - 14/09 - Hospital

Aparecida Maria Luiza de Souza e Silva - 16/09 - Hospital

Deliane Carla Silva Pereira - 16/09 - Laboratório

Camila Ribeiro de Sousa -  16/09   -  Sede

Tags: aniversariantes_10_08  
Publicado as 08:11 por Comunicação  |  Comentários [0] .
06 de Setembro de 2018, Quinta-feira

 

 

Dia Mundial da Sepse é celebrado com campanha de conscientização

O Brasil tem uma das mais altas taxas de mortalidade do mundo pela sepse. A letalidade no país é em torno de 55%

A Sepse é um grave problema de saúde pública mundial, que mata milhares de pessoas todos os anos, principalmente devido ao atraso no diagnóstico e tratamento. Visando levar informação e conhecimento à população sobre o assunto, o Hospital Unimed Gov. Valadares, apoiará a divulgação da campanha do ILAS (Instituto Latino Americano de Sepse) em referência ao dia 13 de setembro, o Dia Mundial da Sepse. 

A médica cooperada e infectologista Drª Patrícia Ferraz, explica que a comunidade e os profissionais da saúde precisam entender melhor o que é a Sepse para um rápido diagnóstico e tratamento. " Ela pode ocorrer quando, diante de alguma infecção, seja, bacteriana, viral, fúngica ou por protozoários, nosso organismo responde de forma desregulada causando sofrimento de vários órgãos como cérebro, rins, coração, pulmão. Antes era conhecida como septicemia ou infecção generalizada, na verdade, trata-se de uma inflamação generalizada do próprio organismo contra uma infecção que pode estar localizada em qualquer órgão. Essa inflamação pode levar a parada de funcionamento de um ou de mais órgãos, com risco de morte quando não descoberta e tratada rapidamente". 

De acordo com o ILAS, a Sepse é a principal causa de mortes nas Unidades de Terapia Intensiva (UTI) e mata mais do que o infarto do miocárdio e alguns tipos de câncer. O enfermeiro do Serviço de Controle de Infecção Hospitalar (SCHI), Mauro Lúcio, destaca as ações realizadas na Unidade Hospitalar para combater o problema. " Desde 2017 foi implementado o Bundle de Prevenção de Pneumonia associada a ventilação - (PAV) e o Bundle de Prevenção de Infecção da corrente sanguínea (ICS). Além de campanhas periódicas com o objetivo de sensibilizar os profissionais de saúde acerca da necessidade de realizar de maneira correta a higiene das mãos, bem como seguir os cinco momentos para esta higiene, também foram feitas reuniões científicas com a equipe multidisciplinar da UTI. Nosso intuito é sensibilizar e alertar os colaboradores sobre a importância da detecção precoce dos sinais de Sepse e assim aumentar a chance de sobrevivência do paciente", conclui. 

Conheça os sintomas de Sepse. O médico e o serviço de emergência devem ser procurados imediatamente em casos de:

* Febre;

* Taquicardia(aceleração do coração);

* Respiração mais rápida (taquipneia);

* Fraqueza intensa e tonteiras e pelo menos um dos sinais de gravidade;

* Pressão baixa;

* Menor quantidade de urina;

* Falta de ar;

* Sonolência excessiva ou confusão mental(principalmente os idosos).

 

Tags: campnha_sepse  
Publicado as 14:52 por Comunicação  |  Comentários [0] .
05 de Setembro de 2018, Quarta-feira

 

 

Idosos estimulam a memória através de jogos na Casa Unimed

Para estimular o esforço mental e melhorar as funções cerebrais por meio de jogos cognitivos, no dia 31 de agosto, idosos que fazem parte do Programa Gerenciamento de Crônicos, participaram de uma manhã de atividades recreativas no Espaço Viver - Casa Unimed. Com o tema " Ativando a Memória através dos Jogos", o grupo se divertiu com as brincadeiras, conduzidas pela terapeuta ocupacional Erica de Oliveira.

O momento de entretenimento, foi marcado por diferentes jogos, como a Torre de Hanói, Vai e Volta, Jogo da Velha, Quebra-Cabeça, Torremoto, Dominó de Texturas, Qual é a Fruta, Trilha da Alimentação, entre outros. "Esta atividade é fundamental para ativar o cérebro, tirando-o do comodismo. Trabalhamos a memória de concentração, atenção, equilíbrio e percepção, explicou Erica. 

Aos 81 anos, o aposentado Heleno Braz, pensou muito para mover a peça certa, e não deixar a torre cair. " A brincadeira mexe com nossa memória, evitando que pensemos em outras coisas, até por que temos que nos manter focados, disse, sorridente. 

Tags: ativacao_memoria_jogos  
Publicado as 15:25 por Comunicação  |  Comentários [0] .

Portal Nacional de Saúde - Unimed Brasil | Copyright 2001-2009 Portal Unimed. Todos os direitos reservados. Agência Nacional de Saúde Suplementar